Congresso de inovação 2017

Todo ano na semana de 12 de outubro, o Centro Universitário FEI promove o Congresso de Inovação. Esse ano teve como tema:

A Cidade e o Campo Inteligentes, para uma melhor qualidade de vida

A cidade inteligente, assunto de grande repercussão internacional, busca entender quais serão as soluções para uma população cada vez mais urbana, de nossos futuros 10 bilhões de habitantes em 2050.

As soluções serão disruptivas na mobilidade, na oferta energética, na questão da água e esgoto, educação e lazer, saúde e abastecimento, entre muitos outros. Entendemos que haverá uma tendência de soluções cada vez mais descentralizadas, versus as soluções centralizadas de hoje. As tecnologias integradas trarão uma realidade nova. As tecnologias da conectividade, das redes e da mobilidade serão revolucionárias na inserção do todo.

Por outro lado, o Brasil, na sua dimensão territorial e na sua vocação agroindustrial, oferecerá ao mundo soluções na segurança alimentar e na segurança energética pela biomassa e outras fontes renováveis além das fósseis. O CAMPO, hoje, no caso do Brasil, já é um case de sucesso pela incorporação de tecnologias desde a formação do solo, a formação de sementes até o cultivo e a colheita. Tecnologias incorporadas em dimensões antes não vistas dão à produtividade do campo a sua dimensão nacional e internacional.

Ao nos depararmos com estas tendências a longo prazo, o Brasil será protagonista ao desenvolver a inteligência aplicada no campo pela integração das commodities até o prato do consumidor, além do vestuário e em outras áreas, onde quer que ele esteja em 2050.

O Brasil, a América Latina como um todo e outros países em 2050, não terão somente megacidades, mas também e principalmente cidades menores que estarão muito próximas ao campo. Esta possibilidade de integrar o campo inteligente à cidade inteligente fará com que as sociedades urbanas e rurais estejam muito mais próximas uma das outras.

Nesse último congresso de 2017, foram no primeiro dia de palestra os convidados do ITESCS. O instituto tem como missão orientar os empresários da região, oferecer ferramentas e recursos para aumentar suas receitas e, com isso, colaborar para o crescimento dos municípios (consequentemente, gerar-se renda e trabalho aos cidadãos).

Benicio Jose e Thiago Yokoyama Matsumoto suas palestras foram inspiradoras e com muito conteúdo legal! Um universo totalmente novo. Recebi excelentes feedback do Centro Universitário FEI. 

No total foram 480 pessoas, com lotação máxima do auditório. Parabéns por toda a equipe do ITESCS, Benício, Thiago e Hugo que são um time incrível.

About Patricia Matsuda

Possui Graduação em Administração Pública pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2006). Mestrado (2010) e Doutorado (2015) pelo Programa de Pós Graduação em Engenharia de Produção da Universidade Federal de São Carlos. Realizou o doutorado sanduíche na University of Manchester - Manchester Business School (06/2013 - 04/2014). Foi Professora Universitária das Faculdades Integradas de São Carlos pelo período de dois anos (2007 - 2009). Foi bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) desde 2011 até 2014. Participa do Núcleo de Estudos em Sociologia Econômica e das Finanças (NESEFI). Foi Professora da disciplina de Operações, Serviços e Sistemas Produtivos II e orientadora de TCC no curso de Administração na Faculdade Sumaré. Ainda na Faculdade Sumaré foi Professora Conteudista da disciplina de ensino à distância Aplicação e Análise de Casos desde 2014 até 2017. É atualmente Professora da disciplina de Gestão Estratégica da Inovação e Teoria da Inovação e Competitividade para o curso de Administração no Centro Universitário da FEI - Unidade São Bernardo do Campo. Participa ativamente de eventos de Empreendedorismo, criatividade, inovação e startups como: Avaliadora na Bootcamp Final e Demoday do InovAtiva Brasil ; Palestrante na Oficina de criatividade e inovação do FEI Portas Abertas ; Avaliadora no Pitch Fight do Centro Universitário FEI ; Participação da organização do Congresso de Inovação no Centro Universitário FEI; Avaliadora de projetos no evento Inova FEI; Jurada no Startup Weekend edição ABC. Atualmente conduz pesquisas de iniciação científica com alunos do Centro Universitário FEI, com bolsa Pipex, nos seguintes temas: Startup Enxuta, Empresas do Cubo, Análise de ativos intangíveis, Startups abertas, Wenovate, Aceleradoras e Incubadoras de startups.
View all posts by Patricia Matsuda →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *